• SiSU

    O Sisu é uma das opções para quem sonha em cursar o ensino superior em uma instituição de ensino pública. Mas, se você tem alguma dúvida sobre quem pode participar do sisu,  o que é o sisu e como funciona, como se inscrever no sisu ou qualquer outra pergunta relacionada a esse tema, veio ao lugar certo! 

    Aqui no Estudar para Enem Online você vai encontrar todas as respostas. Então, continue lendo esse texto e acabe com as suas dúvidas de uma vez por todas. 

    O que é sisu? 

    Antes de mais nada, é essencial saber o que é o sisu. A sigla Sisu significa Sistema de Seleção Unificada. 

    Ele se trata de um sistema informatizado, criado pelo Ministério da Educação (MEC), usado para que as instituições públicas de ensino superior possam oferecer vagas para candidatos participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (o Enem). 

    Em resumo, os candidatos com melhor classificação são selecionados, de acordo com suas notas no exame. Podemos dizer ainda, que o SiSU é a principal forma de ingresso nos cursos superiores, substituindo até mesmo os tradicionais vestibulares.

    O Ministério da Educação costuma realizar duas edições do SiSU por ano. E como já mencionamos ele permite a inscrição de estudantes que terminaram o ensino médio, fizeram o último Enem e não zeraram a prova de redação.

    É importante se atentar a um detalhe interessante em relação a quantidade de vagas oferecidas pelo Sisu. Em geral, a edição do primeiro semestre costuma oferecer mais vagas que a do segundo. Para se ter uma ideia dessa diferença, no primeiro SiSU do ano de 2020 a oferta foi de 237.128 vagas em 128 instituições de ensino superior públicas, enquanto no segundo semestre, o número foi de cerca de 60 mil vagas. 

    Por fim, é importante destacar ainda que desde a edição do segundo semestre de 2020, o SiSU começou a oferecer vagas em cursos a distância, aumentando as suas chances de conseguir uma vaga em uma instituição pública de qualidade. 

    Quem pode se inscrever no sisu?

    Agora que você já sabe sisu para que serve, pode surgir uma dúvida muito comum: quem pode fazer o sisu? 

    A resposta para essa pergunta é muito simples: pode participar e realizar a inscrição no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), apenas os estudantes que participaram da última edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), e obtiveram nota na redação maior que zero e não tenham participado na condição de treineiros.

    Vale ressaltar que para acessar o sistema de inscrição do Sisu, é necessário ter o cadastro no Login Único do governo federal, mediante uma conta gov.br. Então, se você não sabe o que é, ou se você ainda não possui uma conta gov.br, não perca tempo. Para criar essa conta, acesse o endereço eletrônico https://sso.acesso.gov.br/login

    Como já dissemos, as inscrições para o SiSU geralmente são abertas duas vezes por ano, uma em janeiro e a outra em junho, e são realizadas pelo no endereço eletrônico www.sisu.mec.gov.br.

    Etapas de inscrição do SiSU

    • As inscrições ficam disponíveis por, no máximo, uma semana;
    • A consulta das vagas, inscrição e seleção acontece integralmente pela internet;
    • A inscrição é feita com o uso do número de inscrição do Enem mais recente;
    • Na inscrição, o aluno seleciona duas opções de curso (que podem ser de áreas e instituições diferentes);
    • Existe a possibilidade de alterar os cursos enquanto as inscrições estiverem abertas;
    • A disputa de vagas é feita com a nota de corte do curso naquela instituição, assim os candidatos concorrem apenas com determinado grupo;
    • Após a divulgação do resultado, inicia-se o prazo de matrícula, que acontece diretamente na instituição de ensino;
    • Após o prazo de matrícula, a lista de espera é aberta*.

    *Sempre que um candidato não se apresenta à universidade dentro do prazo de matrícula, ele perde a vaga, que volta para o sistema e é destinada aos inscritos na lista de espera.

    O que é nota de corte sisu?

    Por fim, sabendo sobre  sisu quem pode participar, sisu abre quando e como fazer a inscrição do sisu, é preciso ficar atento à nota de corte. 

    Como mencionamos anteriormente, os alunos são selecionados de acordo com o desempenho obtido no Enem. Então, a nota de corte representa a pontuação mínima que um estudante precisa obter para conquistar sua vaga no curso desejado. 

    Vale destacar também que a nota de corte é calculada automaticamente, uma vez por dia. Esse cálculo é feito com base no número de vagas existentes e na quantidade de candidatos interessados que concorrem àquela vaga, naquela modalidade de concorrência específica. Ou seja, o sistema do sisu verifica a nota do Enem de todos os candidatos que concorrem a uma vaga naquele curso específico, naquela modalidade de concorrência e mostra qual seria a nota mínima para esse aluno conseguir se classificar para uma das vagas.

    Você precisa saber que a nota de corte pode ser consultada enquanto as inscrições estiverem abertas. Ela é atualizada cinco vezes ao dia, nos seguintes horários: 0h, 7h, 12h, 17h30 e 20h.

    Então, dessa forma, você consultar tanto a nota de corte como a sua classificação parcial, basta entrar no seu boletim de acompanhamento, na página do Sisu, com seu número de inscrição do Enem e a senha cadastrada.

    Uma dica importante para que possa entender melhor para que serve a nota de corte do Sistema de Seleção Unificada. Como ela serve para que você possa consultar a sua posição parcial em relação aos outros candidatos à mesma vaga, você pode modificar a sua opção de curso, ao alterar sua inscrição para aumentar suas chances de ser selecionado no curso desejado. 

    Para finalizar, ainda precisamos destacar que essa nota é apenas uma referência para auxiliar o candidato durante o processo da inscrição. Assim sendo, é preciso informar que mesmo com uma média acima da nota de corte no momento da inscrição, não há garantia de aprovação do candidato para uma determinada vaga, uma vez que o sistema é atualizado diariamente e a classificação pode ser alterada a qualquer momento.

    Mas, aqui no Estudar para Enem online, você tem a informação completa sobre as notas de corte do Sisu. 

    Então, confira algumas notas médias dos principais cursos que separamos: 

    • Administração: 680 a 800 pontos.
    • Pedagogia: 560 a 740 pontos.
    • Direito: 680 a 850 pontos.
    • Ciências Contábeis: 600 a 780 pontos.
    • Medicina: 770 a 900 pontos.
    • Educação Física: 580 a 775 pontos.
    • Enfermagem: 850 a 620 pontos.
    • Engenharia Civil: 680 a 902 pontos.
    • Engenharia de Produção: 650 a 815 pontos.
    • Engenharia Elétrica: 650 a 810 pontos.
    • Arquitetura e Urbanismo: 690 a 840 pontos.
    • História: 570 a 800 pontos.
    • Jornalismo: 640 a 815 pontos.
    • Farmácia: 660 a 815 pontos.
    • Fisioterapia: 670 a 830 pontos.
    • Gestão de Recursos Humanos: 600 a 720 pontos.
    • Logística: 570 a 750 pontos.
    • Nutrição: 660 a 810 pontos.
    • Odontologia: 715 a 840 pontos.
    • Psicologia: 660 a 850 pontos.

    Além dessas, confira também as notas de cortes do Sisu 2020 para algumas das principais universidades que participam do Sistema de Seleção Unificada em sua última edição:

    • Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) – Nota de corte média: 717 pontos; Menor nota de corte: 643 pontos (Arquivologia) e Maior nota de corte: 811 pontos (Medicina).
    • Universidade de Brasília (UNB) – Nota de corte média: 705 pontos; Menor nota de corte: 641 pontos (Ciências Naturais) e Maior nota de corte: 819 pontos (Medicina).
    • Universidade Federal do Ceará (UFC) – Nota de corte média: 685 pontos; Menor nota de corte: 611 pontos (Redes de Computadores) e Maior nota de corte: 801 pontos (Medicina).
    • Universidade Federal do Paraná (UFPR) – Nota de corte média: 715 pontos; Menor nota de corte: 560 pontos (ABI-Ciências Exatas) e Maior nota de corte: 828 pontos (Medicina).
    • Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) – Nota de corte média: 738;Menor nota de corte: 671 pontos (Ciências Matemáticas e da Terra) e Maior nota de corte: 822 (Medicina).
    • Universidade Federal de Goiás (UFG) – Nota de corte média: 668 pontos; Menor nota de corte: 554 pontos (Física) e Maior nota de corte: 799 pontos (Medicina).

    É importante ressaltar que caso você não conquiste uma vaga na primeira chamada, existe uma lista de espera do SiSU, em que os candidatos que não foram aprovados em nenhuma das duas opções de curso podem se inscrever. A classificação dessa lista é enviada para as universidades, que com base nela, divulgam as chamadas posteriores em seus sites oficiais.

    Mas é importante ficar atento! Pois as chamadas da lista de espera são de responsabilidade das próprias instituições de ensino, que têm autonomia para determinar qual será a quantidade de chamadas e quando será o cronograma para matrícula. Por isso, os candidatos que ficam em lista de espera precisam acessar constantemente  os sites das universidades para saber como proceder.

    Simulador Sisu

    Uma dica importante para que possa simular se a sua nota vai ser suficiente para concorrer a uma das vagas e facilitar a vida dos candidatos, é acessar a ferramenta de simulação, criada pelo Ministério da Educação, onde você pode  utilizar a nota obtida no Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM.

    Essa ferramenta pode ser acessada através de um computador, mas também está disponível para download, e tem o objetivo de ajudar os estudantes a escolher o curso superior desejado.

    A principal função desta plataforma é comparar informações para aperfeiçoar o desempenho dos alunos. O simulador também pode servir como auxílio para saber em que áreas é preciso melhorar a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para conseguir aprovação no curso que você tem interesse.

    A utilização do simulador funciona de forma simples. Basta que o estudante informe as notas das disciplinas de ciências da natureza, ciências humanas, linguagem, matemática e redação, ou seja de todas as áreas do conhecimento, de qualquer uma das edições do Enem que tenha participado. Após isso, é só marcar a alternativa “ampla concorrência” ou “lei de cotas” e, se desejar, utilizar os filtros disponíveis.

    Caso queira uma simulação mais completa, o estudante pode ainda selecionar algumas das modalidades de concorrência, a região e a UF (unidade da federação) de sua preferência, além do curso e turno desejados.

    Existem cotas no SiSU?

    Como mencionamos as cotas no item anterior, vamos te falar tudo o que você precisa saber sobre elas, em relação ao SiSU. Sim, as cotas existem no Sistema de Seleção Unificada.  Isso acontece porque as instituições participantes do SiSU levam para o sistema do governo, além das vagas, sua política de cotas. Por exemplo, para as universidades, institutos e centros federais, existe a Lei 12.711/2012 (Lei de Cotas), que reserva vagas para aqueles estudantes que concluíram todo o ensino médio em escolas públicas. No momento da escolha do curso no sisu você pode fazer a opção por concorrer pelo sistema de cotas. Dessa maneira, o sistema informa a quantidade de vagas de cada modalidade e quais são os requisitos para concorrer a elas. Caso consiga uma dessas vagas, os documentos comprobatórios devem ser entregues somente no momento da matrícula.

    Tem algum curso EAD pelo Sisu?

    Como já adiantamos no começo desse texto, desde o segundo semestre de 2020, em uma decisão inédita, o Ministério da Educação (MEC) liberou a oferta de vagas no sisu para cursos superiores na modalidade a distância.

    Então, a oferta de vagas a distância pelo Sisu foi oficializada pelo governo federal por meio da portaria nº 493, de 22 de maio de 2020, e passou a valer para a seleção de 2020/2. É preciso destacar, porém, que essa decisão foi motivada pela pandemia de covid-19, que fez com que o ensino a distância se tornasse a alternativa mais indicada para os alunos, em tempos de isolamento social.

    Portanto, cabe às instituições de ensino participantes fazerem seu cadastro no sistema de Sisu suas vagas para cursos a distância. As inscrições para os cursos EAD no SiSU acontecem da mesma maneira que os cursos presenciais, utilizando as notas obtidas no Exame Nacional do Ensino Médio. As datas de inscrições também permanecem as mesmas. Com toda a certeza as faculdades deverão oferecer diversas vagas nos mais variados cursos, desde Administração, Pedagogia, Ciências Contábeis, Serviço Social, Ciência da Computação, Ciências Sociais, Ciências Econômicas, Biblioteconomia, Jornalismo, Publicidade Propaganda, Design, Biologia, Física, História, Matemática, Química, Filosofia, Letras (Inglês, Espanhol, entre outros).

Conteúdos mais visitados

  • Você sabe como funciona o SiSU?

    Se você quer saber o que é SiSU veio ao lugar certo. No post de hoje, nós do Estudar para ENEM Online, vamos te explicar todos os detalhes sobre esse programa. Então, neste texto você vai saber mais sobre inscrição SiSU, quem pode se inscrever no SiSU, para que ele serve e todas as informações […]