O que é tecnologia em análise e desenvolvimento de sistemas?

Se você se interessou pela área de análise e desenvolvimento de sistemas, mas ainda tem dúvidas sobre esse segmento, pode ficar tranquilo que você veio ao lugar certo. Afinal, no post de hoje, vamos te explicar o que é, o que se estuda no curso e dar um panorama sobre o mercado de trabalho para os formados. Mas, já podemos adiantar que essa é uma ótima opção para o seu futuro profissional. Pois, a área de Tecnologia da Informação, a famosa TI, está em alta e enfrentando uma carência de profissionais qualificados. Ou seja, estão sobrando vagas com bons salários e faltando profissionais para preenchê-las.

O que é tecnologia em análise e desenvolvimento de sistemas?

Vamos para o primeiro passo, te explicar o que é análise e desenvolvimento de sistemas. Esse segmento é responsável, como o próprio nome já sugere, em analisar, desenvolver, projetar, implementar e atualizar sistemas de informação. Sendo assim, os profissionais responsáveis geram softwares que são executados em hardwares e operados por diversos usuários.

Porém, é preciso dizer que o termo Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas se refere ao curso deste segmento. É importante lembrar que esse curso é de nível superior, ou seja, considerado uma graduação e é essencial para quem quer trabalhar e seguir uma carreira na área. Então, vamos conferir um pouco mais sobre essa graduação.

Saiba mais sobre o curso de tecnologia em análise e desenvolvimento de sistemas

O curso de tecnologia em análise e desenvolvimento de sistemas a distância tem duração de  24 meses. Ou seja, em pouco tempo você já estará formado e pronto para enfrentar os desafios do dia a dia da profissão. Isso acontece porque como se trata de um curso de tecnolgia, ele é muito mais focado na prática e no mercado de trabalho. É por isso que a sua duração é menor se comparada com outras graduações como as licenciaturas ou o bacharelado em Direito, por exemplo. O importante é que, depois de formado, o profissional estará pronto para desempenhar as atividades relacionadas a análise e desenvolvimento de sistemas e conquistar uma das vagas do mercado de trabalho.

O que se estuda no curso de análise e desenvolvimento de sistemas EAD?

Durante os dois anos do curso, o estudante tem acesso a todo o conteúdo teórico e prático necessários para a área. Também é importante dizer que não há a necessidade da realização do Trabalho de Conclusão de Curso, o TCC, ou então do estágio supervisionado.

Confira abaixo um exemplo de grade curricular da faculdade a distância de análise e desenvolvimento de sistemas e conheça as matérias que você terá acesso durante esse período de estudos.

Grade curricular

  • Liderança, Cidadania, Ética e Tecnologia Sustentável;
  • Cybersecurity;
  • Integração Computacional de Hardware e Software;
  • Gestão Ágil de Projetos de Softwares;
  • Desenvolvimento de Soluções com Python;
  • Direitos Humanos e Relações Sociais;
  • Atividade Curricular de Extensão (ACE) I;
  • Atividade Prática e Complementar (APC) I;
  • Desenvolvimento Web;
  • Cloud Computing;
  • Sistemas Operacionais E Internet Das Coisas (LOT);
  • Engenharia de Software;
  • Projeto Web;
  • Educação Ambiental;
  • Atividade Integradora I;
  • Atividade Curricular de Extensão (ACE) II;
  • Atividade Prática e Complementar (APC) II;
  • Programação Mobile;
  • Devops;
  • Modelagem De Banco De Dados;
  • Inteligência Artificial e Ambientes Cognitivos;
  • Projeto Mobile;
  • Língua Brasileira de Sinais – Libras;
  • Atividade Curricular de Extensão (ACE) III;
  • Atividade Prática e Complementar (APC) III;
  • Governança de TI e Direito Cibernético;
  • Digital Business e Design Thinking;
  • Empreendedorismo Digital e Tecnologias Exponenciais;
  • Programação de Alta Performance;
  • Atividade Integradora II;
  • Atividade Curricular de Extensão (ACE) IV;
  • Atividade Prática e Complementar (APC) IV;
  • Desenvolvimento de Startups.

Áreas de atuação para formados

Há um grande leque de possibilidades de atuação para os profssionais formados no tecnólogo em análise e desenvolvimento de sistemas. Como, por exemplo, o desenvolvimento de softwares, em que o profissional atua em busca de soluções para as demandas de usuários e empresas. Porém, é importante lembrar que esse trabalho passa por alguns processos importantes: levantamento de requisitos; análise de requisitos; desenho do projeto; implementação; testes; e implantação (quando o usuário recebe o software pronto para ser instalado).

A administração de redes também é outra possibilidade de atuação para esses profissionais. Nesse caso, o seu trabalho envolve a definição de quais redes são mais adequadas para um negócio; além de trabalhar a parte de hardware do processo; oferecer manutenção para garantir o bom funcionamento das redes; priorizar a segurança das informações envolvidas na rede; e ainda, verificar as possibilidades de expansão e atualização das redes.

O terceiro exemplo de função é o DevOps, aquela pessoa que trabalha ao lado do desenvolvedor de software e do profissional de infraestrutura. Seu objetivo é realmente fazer uma ponte entre esses dois setores. Esse profissional também é responsável pela padronização dos sistemas, assim como, fazer as documentações exigidas e contribuir para o gerenciamento de novas versões. Outra atividade importante do DevOps é ajudar a simplificar os processos de produção, tornando as tarefas automáticas e as estruturas escaláveis.

Ainda há outros exemplos de possibilidades de trabalho no ramo da Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas como: administrador de banco de dados, backend e arquiteto da informação.

Média salarial na área de análise e desenvolvimento de sistemas

Conhecer o mercado de trabalho e conferir a média salarial da área é de suma importância, até mesmo antes de começar os seus estudos na graduação. Assim, você já tem uma noção dos valores e do que o mercado de trabalho espera dos profissionais. Dessa forma, pode desenvolver conhecimentos e características importantes já nos primeiros meses de estudo.

É importante lembrar que o valor do salário oferecido pra os formados no curso de análise e desenvolvimento de sistemas depende de diversos pontos. Como, por exemplo, a região do país, o nível de experiência, os cursos e certificações profissionais, o porte da empresa em que trabalha e muito mais.

Porém, para te dar uma ideia, podemos dizer que no cargo de Analista de Sistemas, o salário inicial costuma ser de R$ 3.312,00, mas esse valor pode chegar a R$ 7.301,00. Já a média salarial brasileira para esses profissionais é de R$ 5.116,00. Ou seja, o profissional já inicia a carreira com um bom salário.

Deixe seu Comentário